Sobre

Como tudo começou

O nascimento da Clínica Modula Dor surgiu a partir da iniciativa do neurologista, Dr. Márcio Siega, e de sua esposa, a enfermeira Andrezza Cesarini Siega. Ao todo, foram três momentos importantes que marcaram essa trajetória.
O contato inicial foi intenso, ambos coordenaram uma liga acadêmica voltada para estudos da dor na Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Após a graduação, partiram para Brasília, mas o Dr. Márcio se deparou com um grande problema: pacientes com dor de cabeça desamparados.
Veio o segundo momento, a imersão da Andrezza nos estudos sobre coach e a grande influência que a atividade exerce na prática clínica do Dr. Márcio. Ele percebeu a necessidade urgente de criar um centro que acolhesse esses pacientes. Entretanto, para um médico abandonar seus empregos e empreender naquilo que acredita e sonha não é nada fácil. Até porque não podia ser qualquer clínica, modelos antigos estavam descartados.
Veio então o terceiro momento: Andrezza abraçou a ideia e se encarregou de criar e administrar a Clínica Modula Dor, baseada em preceitos indispensáveis: humanização, slow medicine e criação do escritório da experiência do paciente, o Projeto AcolheDOR.
Foi difícil, mas valeu a pena! O pioneirismo da Modula Dor em oferecer os melhores tratamentos existentes para dor demostrou que esse sonho é possível e, atualmente, a marca possui três unidades em Brasília, no Distrito Federal.

?

Missão

Reduzir o grau de incapacidade e melhorar a qualidade de vida de pacientes com dores de cabeça e outras dores crônicas por meio de um tratamento interdisciplinar de excelência, humanizado e com foco no cliente. Promover eventos de capacitação de profissionais em dor de cabeça e dor crônica, além de eventos e pesquisas científicas de modo a ampliar o estudo e aprendizado do tema dor.

?

Visão

 Ser um centro nacional de referência para tratamento de dores de cabeça

?

Valores

Ética, excelência, segurança, humanização, confiança, trabalho em equipe, cientificidade, inovação